Saúde

Adultos infectados com variante brasileira têm mais vírus no corpo

Constatação é de estudo da Fiocruz, que ainda será revisado por outros cientistas. Pesquisa indica maior transmissibilidade

27/02/2021 16h30
Por: Direto da Redação
Fonte: R7
Manaus, um dos principais focos de avanço da variante brasileira - (Foto: Bruno Kelli/Amazônia Real - 07.07.2020)
Manaus, um dos principais focos de avanço da variante brasileira - (Foto: Bruno Kelli/Amazônia Real - 07.07.2020)

Um estudo realizado por pesquisadores da Fiocruz mostrou que adultos infectados pela variante brasileira do novo coronavírus têm carga viral maior do que adultos infectados por outras versões. Segundo cientistas, uma maior carga viral, ou seja, maior presença do vírus no organismo, contribui para a maior transmissibilidade, fazendo com que a variante se espalhe de forma mais rápida.

A variante brasileira, também chamada de variante amazônica e cientificamente tratada como P.1, foi identificada no Japão em janeiro em viajantes que voltavam do Amazonas. Desde então, ela se espalhou por Manaus e já foi encontrada em outros 11 estados, incluindo Rio de Janeiro e São Paulo.

O estudo dos pesquisadores da Fiocruz ainda será revisado por outros cientistas. Até o momento, ele é mais uma informação no sentido da maior transmissibilidade de variantes do novo coronavirus, como também acontece em relação às mutações encontradas no Reino Unido e na África do Sul. 

Na nova pesquisa, foram analisados 250 códigos genéticos do coronavírus durante quase um ano.

Barras - PI
Atualizado às 02h43
24°
Muitas nuvens Máxima: 30° - Mínima: 24°
24°

Sensação

5.9 km/h

Vento

92.5%

Umidade

Fonte: Climatempo
Popular novo
Anúncio
Municípios
SANTA LUZIA
POSTO SANTA LUZIA
Últimas notícias
Excelência Contábil
Mais lidas
Cantinho da Pizza