Popular
Juventude Católica

Dom Francisco ressalta papel da juventude na igreja durante evento em Barras

O evento contou com um dia inteiro de orações, palestras, dinâmicas, adoração e encerrou com uma missa celebrada pelo bispo diocesano de Campo Maior, Dom Francisco de Assis.

18/11/2019 12h04
Por: Direto da Redação
Fonte: Portal de Olho
 

Jovens católicos de diversas cidades da Diocese de Campo Maior se reuniram durante todo este domingo (17 de novembro), em Barras, para participarem do DNJ 2019 (Dia Nacional da Juventude). O evento contou com um dia inteiro de orações, palestras, dinâmicas, adoração e encerrou com uma missa celebrada pelo bispo diocesano de Campo Maior, Dom Francisco de Assis.

Mais de 700 jovens de 9 municípios da região se somaram aos barrenses durante o retiro espiritual organizado pela Paróquia de Nossa Senhora da Conceição (Barras) e pela Diocese de Campo Maior. “Eu vim para que todos tenham vida” (Jo 10,10) foi o tema da edição 2019 do DNJ.

O bispo da Diocese de Campo Maior, Dom Francisco de Assis, esteve presente e celebrou a missa de encerramento do evento. Logo após uma caminhada pelas ruas de Barras, os jovens lotaram a igreja matriz de Nossa Senhora da Conceição: “O jovem precisa ser protagonista na igreja e estar pronto para os desafios, entender as virtudes, necessidades e vivenciar a sua vocação despertada pelo Espírito Santo. Precisamos auxiliar os jovens e mostrar a eles que são importantes para a história, que fazem parte da sociedade, e como todos os outros, têm voz e vez”, disse Dom Francisco.

De Campo Maior, partiram cerca de 165 jovens, a maioria, integrantes do Movimento Juventude Católica, da paróquia-catedral de Santo Antonio.

Barras também se prepara para celebrar a padroeira, Nossa Senhora da Conceição. A festa tem início no dia 28 de novembro e segue até o dia 8 de dezembro com atividades religiosas, culturais e sociais. O festejo de Barras é um dos maiores do Piauí.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.