Popular
Quadrilhas Juninas

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O CONCURSO INTERESTADUAL DE JUNINAS - BARRAS P

A Prefeitura de Barras, através da Secretaria de Cultura e Turismo lançou O Regulamento do Concurso Interestadual de Juninas, a ser realizado na noite do dia 05/07/2019.

05/06/2019 10h18
Por: Redação II
Fonte: Ascom
Reprodução
Reprodução

A Prefeitura de Barras, através da Secretaria de Cultura e Turismo lançou O Regulamento do Concurso Interestadual de Juninas, a ser realizado na noite do dia 05/07/2019.

O III Festival Folclórico tem como tema “Viva Barras – Os Cocais em Tempo de Folclore” e a programação geral será lançada na próxima semana.

A novidade deste ano, segundo Germano filho, Secretário de Cultura e Turismo é que a primeira noite será reservada aos concursos de Bois Mirins e o Interestadual de Juninas, com premiações de R$ 10.000,00 (dez mil reais).

Apesar das dificuldades financeiras o Prefeito Carlos Monte resolveu manter o calendário Cultural do Município instituído pela Lei 729/2018.

Estão sendo viabilizadas parcerias por meio de emendas parlamentares para custeio das bandas que se apresentarão no sábado e domingo.

VEJA O REGULAMENTO E COMO PARTICIPAR ABAIXO:

I – Do Concurso

Art. 1º – A Prefeitura Municipal de Barras, através das Secretarias de Cultura e Turismo, Educação, Assistência Social, Juventude, Finanças, Administração e Assessoria de Comunicação, tornam público o presente Regulamento do Concurso Interestadual de Juninas, visando manter as tradições e a Cultura popular, além de proporcionar aos participantes momentos de lazer e inclusão.

Art. 2º – O Concurso Interestadual de juninas é parte da programação oficial do Festival Folclórico Viva Barras “Os Cocais em tempo de Folclore”

Art. 3º – Poderão ser organizadas juninas tradicionais e se inscrever para participar do concurso, bem como os grupos com denominação e/ou representação de bairros, povoados, distritos, escolas públicas, municipais e privadas, entidades e associações folclóricas do Território dos Cocais e de outras regiões do Piauí e Maranhão.

Art. 4º - Podem ser inscritos grupos com o número mínimo de 16 (dezesseis) pares.

Art. 5º – Todas as Juninas deverão ter o seu próprio marcador/gritador, sendo vedado ao mesmo participar de mais de uma Junina.

Art. 6º – O tempo de apresentação de cada grupo será de 25 minutos, com tolerância máxima de 05 (cinco) minutos.

Art. 7º – O concurso realizar-se-á no dia 05/07/2019 (Sexta-Feira).

Art. 8º – As apresentações serão realizadas no espaço Cultural AV. Beira Rio.

II – Da Organização

Art. 9º – A Comissão Organizadora Constituirá Comissões de Infraestrutura, Julgadora, Recepção e Coordenação, podendo substituir membro(s) e nomear subcomissões.

Art. 10º – A comissão de Infraestrutura viabilizará as condições materiais para a realização dos eventos e apresentações.

Art. 11º – A Coordenação do Concurso, não se responsabilizará pelo transporte dos componentes das quadrilhas juninas para o local da apresentação.

Art. 12º – A Coordenação do Concurso de Quadrilhas nomeará uma Comissão Julgadora com, no mínimo 05 (cinco) membros, para selecionar e classificar os melhores grupos.

III – Das Inscrições

Art.13º - Poderá se inscrever qualquer junina que se enquadre neste Regulamento, após o Convite Oficial da SECULTUR.

Art. 14º – As inscrições são gratuitas e limitadas em até 10 (dez) grupos convidados previamente.

Parágrafo Primeiro: As Juninas deverão se inscrever na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, no período de 05 à 21/06/2019, no horário das 8h00 às 13h00. Maiores informações: Cell/zap(086) 98165-1901 (Cleberth) e-mail [email protected]

Parágrafo Segundo: No ato da confirmação da inscrição, deverão ser apresentados os seguintes dados e documentos:

a) Nome completo do Grupo, data e pequeno histórico da fundação e resumo sobre o tema a ser apresentado.

b) O nome completo de todos os componentes e do marcador/gritador. 

Parágrafo Terceiro: Os grupos de outros municípios deverão enviar a ficha de inscrição devidamente preenchida para o seguinte e-mail: [email protected] A ficha de inscrição e o regulamento estarão disponíveis no período de inscrição no endereço http://www.barras.pi.gov.br 

IV – Da Seleção e Classificação 

Art. 15º – As Juninas convidadas e inscritas serão selecionadas por uma Comissão Julgadora, conforme o Art. 17º e critérios definidos neste Regulamento.

Art.16º - A ordem de apresentação das Juninas inscritas será definida em sorteio, a realizar-se no dia 25/06/2018, às 10h00, na Secretaria de Cultura e Turismo.

Parágrafo Único: Fica definido que a junina que não cumprir o seu horário de entrada no arraia será automaticamente DESCLASSIFICADA, podendo até se apresentar, porém, sem competir. Em hipótese alguma a ordem e o horário estabelecidos poderão ser alterados. 

Art. 17º – Durante as apresentações a Comissão Julgadora avaliará os seguintes itens:

ENTRADA (Começo da apresentação da quadrilha)

ANIMAÇÃO (Deve-se perceber a exaltação prazerosa, o entusiasmo que se desenvolve durante a apresentação através do repertório, da simpatia dos participantes...).

REPERTÓRIO MUSICAL (A música poderá ser gravada em pen drive ou ao vivo. As músicas utilizadas deverão ser preferencialmente do ciclo junino. Será levado em consideração a diversidade dos ritmos e a seleção musical).

EVOLUÇÃO E COREOGRAFIA (Serão consideradas as diversidades das coreografias, graça e leveza das damas, elegância e desenvoltura dos cavalheiros).

ALINHAMENTO (A Quadrilha deverá estar alinhada com o todo).

VESTUÁRIO (Deve-se levar em consideração a originalidade e a criatividade dos materiais utilizados na confecção do vestuário, deve-se também perceber e valorizar a harmonia das cores e o conjunto destas).

MARCADOR (Será julgado pela capacidade de dirigir e conduzir o grupo (por Gestos ou Voz) para a execução dos movimentos coreográficos, com segurança e precisão).

CASAMENTO (O texto da história que for encenada deve ser claro (conter início, meio e fim). Pela tradição já existente, os textos devem ser engraçados, sem apelações, sem palavrões gratuitos e grosserias que cheguem a chocar o público).

REI E RAINHA (São figuras tradicionais que, com desenvoltura apresentam seus grupos).

SAÍDA (É o fato criado para a apresentação do fim da apresentação, observando a criatividade, trilha sonora, coreografia, até a saída do último componente da quadra). 

DESENVOLVIMENTO DO TEMA (ver se a apresentação está adequada ao projeto apresentado em relação à temática e demais quesitos). 

CRONOMETRAGEM (Tempo de apresentação).

Art. 18º – Para critério de desempate serão levados em conta os itens:

Rainha e Rei Caipira

Animação

Evolução e Coreografia

Figurino

Casamento

Parágrafo Único: Persistindo empate será realizado sorteio.

Art. 19º – Cada Grupo deverá está formado e pronto para entrar na área de concentração 30 (trinta minutos antes do horário definido para sua exibição).

Art. 20º – Uma vez dado o sinal verde para iniciar a apresentação, cada grupo perderá um ponto (1,0) a cada minuto de atraso.

Art. 21º – As apresentações das Juninas devem transcorrer em clima de harmonia e tranquilidade. Quaisquer perturbações a essa ordem por parte dos concorrentes, os envolvidos serão punidos com a perda de pontos e/ou eliminação, conforme parecer da Comissão Organizadora.

V – Da Premiação

Art. 22º – As três primeiras colocadas no Concurso de Juninas receberão da Prefeitura Municipal de Barras premiação em dinheiro e troféus equivalentes à classificação, além da melhor rainha e rei caipiras, casal de noivos e marcador que receberão medalhas 

PREMIAÇÃO

1º COLOCAÇÃO R$ 5.000,00 

2º COLOCAÇÃO R$ 3.000,00 

3º COLOCAÇÃO R$ 1.000,00

TOTAL R$ 9.000,00

VI – Das Disposições Finais

Art. 23º – Cada grupo será identificado por nome e/ou marca de livre escolha, sendo vedada a veiculação de propaganda política partidária.

Art. 24º - O concurso de Quadrilhas Juninas seguirá os critérios estabelecidos no Presente Regulamento. Os casos omissos serão resolvidos pela comissão Organizadora e/ou Julgadora.

Barras (PI), em 05 de junho de 2019

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.