Segunda, 18 de março de 2019
86 99570 3774 - Atual Sistema de Comunicação
Política

02/01/2019 ás 08h54

Direto da Redação

Barras / PI

Vereador de cidade do Piauí renuncia ao mandato
No texto ele comunica que a renúncia é de caráter irrevogável e irretratável, com efeitos imediatos.
Vereador de cidade do Piauí renuncia ao mandato
(Foto: Reprodução)

Alegando que a decisão é estritamente de cunho pessoal, o vereador de Dom Expedito Lopes, Jernando de Moura Leal (PROS), renunciou ao mandato na última quarta-feira, 26 de dezembro. Em lugar dele assume o primeiro suplente da coligação “Um novo tempo, uma nova história”, Antônio Ferreira Sobrinho, o Toinho de Quinca (PSDB).


O pedido de renúncia foi assinado pelo vereador Jernando Leal (PROS) no último dia 26 de dezembro e, enviado na mesma data ao presidente da Câmara Municipal de Dom Expedito Lopes, Kildary Gomes Gonçalves (Rede) e ao presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), desembargador Francisco Antônio Paes Landim Filho. No texto ele comunica que a renúncia é de caráter irrevogável e irretratável, com efeitos imediatos.


“Na oportunidade, informo que as razões que me levaram a esta decisão são de cunho estritamente pessoal. Assim sendo, ratifico e reitero de forma livre, espontânea, expressa, irrevogável e irretratável a renúncia ao mandato de vereador” – escreveu o vereador Jernando de Moura Leal.


Decreto legislativo


De posse do pedido de renúncia por escrito assinado pelo vereador Jernando de Moura Leal, o presidente da Câmara Municipal de Dom Expedito Lopes, Kilday Gomes Gonçalves publicou decreto legislativo no dia 26 de dezembro dispondo sobre o assunto.


No artigo 1º do decreto legislativo diz que fica extinto o mandato do vereador Jernando de Moura Leal. Já no artigo 2º o presidente da casa destaca que havendo vacância no cargo de vereador na Câmara Municipal de Dom Expedito Lopes, fica mantida a convocação e permanência no cargo, como titular, de Antônio Ferreira Sobrinho.


Conhecido como Toinho de Quinca (PSDB), o novo vereador de Dom Expedito Lopes era o primeiro suplente da coligação “Um novo tempo, uma nova história”, composta pelos partidos do PDT, DEM, PPS, PROS, Rede, PCdoB, PSDB, PSB, PT e PTB. A aliança elegeu o prefeito Valmir Barbosa de Araújo (PDT).


Desempenho eleitoral


Empresário, Jernando de Moura Leal (PROS) obteve nas eleições de 2016, 382 votos, o equivalente a 7,38% dos votos válidos. Nas urnas, ele foi o segundo mais bem votado, atrás apenas de Nilza (PV), que conseguiu 386 votos (7,45%).


Já o novo vereador de Dom Expedito Lopes, Antônio Ferreira Sobrinho, o Toinho de Quinta (PSDB), obteve 234 votos, o equivalente a 4,52% dos votos válidos. Com esse desempenho ficou na primeira suplência da coligação “Um novo tempo, uma nova história” e agora herda o mandato com a renúncia de Jernando Leal.


Jornal de Picos

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium