Terça, 22 de janeiro de 2019
86 99570 3774 - Atual Sistema de Comunicação
Entretenimento

30/12/2018 ás 18h03

Redação II

Barras / PI

Stefhany relata supostas ameaças do ex e diz que teve medo de morrer
A cantora Stefhany Cardoso, que ficou conhecido nacionalmente como Stefhany Absoluta, usou seu canal oficial no Youtube
Stefhany relata supostas ameaças do ex e diz que teve medo de morrer
reprodução

A cantora Stefhany Cardoso, que ficou conhecido nacionalmente como Stefhany Absoluta, usou seu canal oficial no Youtube para relatar supostas ameaças do ex-marido Roberto Cardoso. Os dois se casaram em 2015 em uma cerimônia que repercutiu após a noiva chegar montada em um jumento. No vídeo, a piauiense chora, diz que está sob medida protetiva e que saiu de casa com medo de morrer.


"Obrigada a você que tem orado por mim, que tem intercedido pela minha vida, porque muitos não entendem, mas quem sabe foi quem estava dentro de quatro paredes e vivia ameaças. Ele nunca me bateu, nunca triscou um dedo em mim. É verdade que eu vivi momentos felizes, mas eu vivi também debaixo de muitas ameaças", disse a cantora em lágrimas. 


A publicação de Stefhany foi uma reação a um vídeo no qual o ex-marido, supostamente, faz várias acusações contra a cantora. 



"Meu ex-esposo colocou na internet que eu abandonei o lar. Eu não abandonei o lar. Eu avisei pra ele que ia sair de casa. Irmão, já são 3 anos vivendo debaixo de ameaças e agora nesse ano, no mês de outubro, eu passei por algo terrível em Recife-PE e decidi sair de casa porque estava com medo de morrer. Eu decidi e tomei esa decisão porque eu estava sofrendo muito", comentou a piauiense no vídeo publicado no Youtube. 


Ela, que ficou famosa com o "hit do Crossfox" e virou cantora evengélica, diz ainda que só se pronunciou agora por orientação dos advogados e nega as acusações, supostamente, feitas pelo ex. 


"Profundamente abatida, minha alma está amargurada por tudo o que está acontecendo, por todas as calúnias e por todas as mentiras que estão sendo colocadas na internet no meu nome [...] quando eu saí de casa, eu avisei pra ele, eu pedi pra ele me dar a passagem, me levar para o Piauí [...] ele não me levou, pedi para ele me dar o dinheiro da passagem e ele não me deu. Quando eu decidi sair de casa [ já estava tudo arrumado] ele tirou os cartões da minha mão [...] e saí de casa com o único cartão que eu tinha da conta corrente que estava em meu nome. Eu ia direto para minha casa, mas recebi uma ligação e uma aviso [ que tenho certeza que foi do céu] que meu esposo já tinha saído e estava me esperando no Piauí", disse em vídeo.



(Foto: Reprodução Youtube)


"Quando eu cheguei em Teresina eu passei um bom tempo. Agora estou em um apartamento alugado, não tenho carro e ele tá dizendo que eu roubei tudo dele. Irmãos, o que eu peguei foi R$ 1 mil de uma conta poupança conjunta. É uma conta que eu recebia dinheiro do Spotify e do meu canal. Como é que a pessoa rouba a si mesma? eu peguei o dinheiro que é do meu direito [...] que eu estava precisando com minha filha [...]  essa calúnia é tudo mentira. Tudo o que a gente diz tem que provar. Eu quero que você prove [...] eu não estou aqui para difamar ninguém, porque eu sou uma serva do Senhor [...] estou aqui abrindo meu coração para todo o Brasil", completou a cantora. 


O vídeo foi publicado no canal oficial da piauiense neste sábado (29) e já tem mais de 665 mil visualizações. Ela relata teve que cancelar agendas e também comentou sobre a filha do casal. 


"Sobre a minha filha é algo que quero falar e quero falar abertamente. Em nenhum momento eu impedi Roberto de ver a filha, inclusive, ele já veio ver a filha no momento em que eu estava aqui em Teresina na casa dos pastores e quando ele veio ver a filha dele, ele pegou a filha no colo e começou a gritar e dizer: glória a Deus, alô Brasil venha ver aqui minha filha e começou a gravar. Eu disse: você não vai gravar. Você veio aqui para visitar a sua filha, agora pra usar a imagem dela, você não vai usar [...] e todos os momentos, o celular de todo mundo que está ao meu redor está ligado e ele não ligou para ver a menina. A medida protetiva é só pra mim, não é pra filha. Então, ele não está sendo impedido de ver a filha [...] já foram canceladas agendas por conta de tantas calúnias. Mas eu quero dizer que estou de pé, porque é Deus que me sustenta e com Cristo eu vou até o fim", finaliza a cantora. 


A IMPRENSA tentou contato com algumas delegacias da capital, mas não conseguiu confirmar em qual delas a cantora teria solicitado a medida protetiva a Justiça.  As acusações contra o ex-marido da cantora não recentes. Em janeiro de 2016, Nety França, mãe de Stefhany, também fez acusações e chegou a ser internada, supostamente, após perder o contato com a filha.


No canal oficial de Roberto Cardoso no Youtube há vídeos nos quais o empresário faz relatos sobre o seu relacionamento com a cantora e rebate acusações. 

FONTE: cidade verde

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium