Sábado, 20 de outubro de 2018
86 99570 3774 - Atual Sistema de Comunicação
Brasil

10/10/2018 ás 11h50

Direto da Redação

Barras / PI

Extrema pobreza avança no PI e atinge 9,5% das famílias
Na média nacional, a miséria subiu para 4,8% da população em 2017
Extrema pobreza avança no PI e atinge 9,5% das famílias

Cresceu no Piauí o percentual de famílias que vivem com renda familiar per capita de até R$ 85. Isso significa que, agora, 9,5% das famílias piauienses estão em situação de extrema pobreza - e esse percentual nunca havia sido tão alto.


O estudo, realizado pela Tendências Consultoria, foi divulgado nesta terça-feira (9) e avalia os anos de 2014 a 2017, portanto, avalia o reflexo da crise econômica em vários estados brasileiros.


De todas as unidades da federação, apenas o Tocantins e a Paraíba tiveram queda no número de famílias extremamente pobres. A variação foi de -1,1% e -0,6%, respectivamente.


O Piauí, no entanto, está entre os estados que mais registrou crescimento nesse quesito, apresentando alta de 4,1% nas famílias consideradas em extrema pobreza. Apenas Sergipe (4,8%), Bahia (5%) e Acre (5,6%) tiveram aumentos mais expressivos. 


Na média nacional, a miséria subiu para 4,8% da população em 2017, contra 3,2% em 2014. Dos 10 estados com maior proporção de famílias nessa situação, 8 ficam no Nordeste. 


 


No Piauí, a proporção da extrema pobreza se comportou da seguinte forma:

2014: 5,4%
2015: 8,1%
2016: 7,0%
2017: 9,5%

 


Além do Piauí, os percentuais mais elevados de extrema pobreza no país estão nos estados da Bahia (9,8%), Acre (10,9%) e Maranhão (12,2%). Os menores percentuais estão em Santa Catarina (1,8%), Distrito Federal (2,4%) e Paraná (2,5%). 

FONTE: Cidadeverde.com

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium