Sexta, 17 de agosto de 2018
86 99570 3774 - Atual Sistema de Comunicação CNPJ 17.061.655/0001-72

26º

Min 25º Max 36º

Céu limpo

Barras - PI

às 04:06
Polícia

17/05/2018 ás 07h52

Direto da Redação

Barras / PI

Piauiense é presa em SP acusada de não denunciar padastro que estuprava sua filha
Segundo informações, mãe e filha são piauienses, naturais da zona rural de Campo Grande do Piauí.
Piauiense é presa em SP acusada de não denunciar padastro que estuprava sua filha
Piauiense é presa em SP acusada de não denunciar padastro que estuprava sua filha
 

Pedrina Lindalva de Oliveira e Edilson José de Souza foram presos em Paulínia, no interior do estado de São Paulo, acusados de estupro. A vítima é a filha de Pedrina, uma adolescente de 16 anos, que era abusada sexualmente por Edilson, padastro dela, há pelo menos seis anos.


A mãe sabia de tudo e, mesmo assim, não procurou a polícia. Ela se casou com o estuprador há 6 anos, quando a menina tinha apenas 10. Os abusos começaram nos primeiros meses em que começaram a morar juntos e, quando a vítima completou 13 anos, a violência se tornou ainda mais frequente.


O crime só foi descoberto depois que a vítima, que não aguentava mais a violência que sofria, procurou o pastor da Igreja que a família frequentava e contou o que acontecia. Edilson e Pedrina teriam confessado o crime ao pastor, que alegou ter gravado toda a declaração. O casal foi preso temporariamente por estupro de vulnerável.


Segundo informações, mãe e filha são piauienses, naturais da zona rural de Campo Grande do Piauí.


FONTE: Noticiei

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium