Terça, 22 de maio de 2018
86 99570 3774 - Atual Sistema de Comunicação CNPJ 17.061.655/0001-72

24º

Min 22º Max 27º

Nublado

Barras - PI

às 20:41
Saúde

08/05/2018 ás 15h17 - atualizada em 08/05/2018 ás 16h13

Redação II

Barras / PI

Subiu para 32 os casos de H1N1 no Piauí
De acordo com Amariles Borba, diretora de Vigilância em Saúde da FMS, os dados revelam que dos 32 casos.
Subiu para 32 os casos de H1N1 no Piauí
Jornal do Brasil foto
 

Subiu para 32 o número dos casos confirmados de gripe causada pelo vírus Influenza A H1N1 em Teresina. De acordo com Amariles Borba, diretora de Vigilância em Saúde da FMS, os dados revelam que dos 32 casos, 17 permaneceram como síndrome gripal (quando os sintomas são mais brandos) e as pessoas encontram-se em casa não necessitando de internação. Outros 15 casos de H1N1 se desenvolveram para Síndrome Respiratória Aguda Grave, necessitando de internação. 


Apenas uma morte foi confirmada, atribuída ao vírus. Um motorista da Sesapi de 52 anos morreu no último dia 30 de maio após desenvolver Síndrome Respiratória Aguda Grave em decorrência do H1N1. "Os outros casos que ainda estão internados estão estáveis, em recuperação e no caminho de voltar pra casa", completou Amariles.


Locais de vacinação


Sílvio Mendes informou que o município já havia distribuído 92 mil e 700 doses de vacinas e que chegaram mais 29 mil e 300 novas doses.  As vacinas recebidas foram distribuídas nos postos das unidades de saúde: Hospital do Parque Piauí, UBS Três Andares, UBS São João, UBS Piçarreira, UBS Karla Ivana, UBS Adelino Matos, UBS Mocambinho, Hospital do Buenos Aires e Hospital da Primavera. 


Dia D


A FMS ressalta que dia 12 de maio, próximo sábado, será o Dia D da Campanha de Vacinação contra a Gripe. A vacina protege contra os vírus Influenza tipo B, A H1N1 e A H3N2. Fazem parte dos grupos prioritários os indivíduos com 60 anos ou mais de idade, as crianças na faixa etária de seis meses a menores de cinco anos de idade, as gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), os trabalhadores da saúde, os professores das escolas públicas e privadas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, a população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional.


Divergência de dados


Ao contrário da FMS, a Secretaria de Estado da Saúde divulgou em boletim também nesta terça-feira (8), onde confirma apenas 15 casos de H1N1. Além destes foram detectados também os casos de:



  • 1 por Adenovírus

  • 14 por Metapneumovírus

  • 2 por Metapneumovírus + Parainfluenza 1

  • 2 por Metapneumovírus + Parainfluenza 3

  • 3 por Parainfluenza 1

  • 18 Não especificada

  • 44 Em investigação


Em entrevista a coordenadora de Epidemiologia, Amélia Costa, afirmou que há 29 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave somente em Teresina, cadastrados em sistema único, e somente 15 foram confirmados como H1N1. "Na realidade nós temos 29 casos, mas esses casos são confirmados de SRAG e Síndrome Gripal perfazendo um total de 29 casos, não é somente de H1N1. Esse sistema é único do Estado onde Teresina inclui seus dados e o resto dos municípios do Estado incluem seus dados. São só 15 casos de H1N1 confirmados", reafirmou a coordenadora.


Amélia também não descarta a hipótese de subnotificação dos casos confirmados no sistema. "Aqui na Sesapi nós não digitamos dados, que são digitados pelos próprios municípios e esses dados são migrados para a fundação e são digitados. Provavelmente não serão 29, será um pouco mais por conta da subnotificação. O alerta é para os profissionais de saúde e a população ficarem vigilantes", concluiu.


Atraso nas vacinas


Segundo a Sesapi, já foram enviadas aos municípios 510 mil vacinas. As doses são entregues proporcionalmente aos públicos prioritários nos municípios e à medida que o Ministério da Saúde envia para o Estado, são disponibilizadas aos municípios. Este ano, por motivo de produção da vacina, o Ministério está entregando em sete etapas. 


A coordenadora explica que houve um atraso na produção das vacinas que provocou um atraso consecutivo para todos os Estados do país, mas segundo ela os lotes necessários serão regularizados. "Existe uma meta estabelecida pelo próprio Ministério até o dia 1º de junho e eu acredito que receberemos todas as doses necessárias", concluiu.


Apesar da metade das doses terem sido entregues, apenas 8,92%, ou pouco mais de 61 mil pessoas, do público prioritário, foi imunizado e informado no sistema de informação. 

FONTE: Cidade verde

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium